domingo, 31 de maio de 2009

Conto até dez

Conto até Dez
Dez anos
Dez contos
Dez autores

Conto até dez é uma antologia organizada por Marcelino Freire. Com o mote/desafio provocativo de fazerem os escritores utilizarem por tema o número "dez". Por isso o título: a presença lapidar de dez autores novíssimos e talentosos, dez narrativas curtas, lançamento realizado para comemorar dez anos de existência da Ateliê Editorial, uma das poucas editoras brasileiras com coragem de lançar autores com linguagem e temática contemporânea, provocativa e experimetal, deixando na rabeira editoras que exploram múmias e/ou dedicadas a autores "consagrados" ou "mortos" (muitas vezes pura necrofilia, pois muitos dos "consagrados" estão na fase de decadência, em queda-livre quanto a vigor narrativo e originalidade). Recorto e colo aqui o conto de abertura, não sei se o melhor, estou dividido também entre "Dez anos", de Ivana Arruda Leite e conto futebolístico "O Dez e os Outros Dez", de Gil Perini, no mínimo, duas obras primas do conto moderno/contemporâneo, o que vem a confirmar que o "mote", ressuscitado aqui pelo encapetado Marcelino Freire, não perdeu a força de desafio desde os tempos e voltas realizadas por Camões.

Autores

Ademir Assunção - A última tentação do mogne (Uma fábula nô)
Bruno Zeni - Vida de rua, manto da noite, placenta rompida da manhã
Gil Perini - O Dez e os outros dez
Ivana Arruda Leite - Dez anos
Márcia Denser - Horizontes
Moacyr Godoy Moreira - Gripe espanhola
Nelson de Oliveira - O fantsama da máqiuna
Paulo Franchetti - Encontro
Paulo Ribeiro - O décimo mês ou A sublime arte de manter os porcos batizados
Rodrigo de Faria e Silva - O menino em branco

Organizado por Marcelino Freire

Conto até dez. Vários autores. Cotia, SP, Ateliê Editorial, 2005.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea

Estudando os contistas pós-utopicos ou as novas formas
da Literatura Brasileira.

Seguidores